Sonho do acesso
22/09/2020 15:57 em Esportes
Um dos jogadores que sabe muito bem o que representa uma semifinal para o clube é o zagueiro e lateral-esquerdo Paulão. Ele chegou ao XV de Piracicaba nas semis de 2019, mas viu o time, então sob o comando do técnico Tarcísio Pugliese, parar diante da Inter de Limeira e ver as chances de acesso se perderem em campo pelo segundo ano consecutivo, pois, em 2018, o time foi eliminado pelo Guarani. Desta vez, Paulão aposta que a história será outra e o sonho do acesso vai virar realidade para o experiente jogador, de 34 anos de idade. Ele disse que o XV montou um "esquadrão" e tem tudo para "fechar com chave de ouro" esse ciclo do Alvinegro. "O XV vem de uma crescente", reforçou ele.
Quanto ao São Caetano, afirmou o atleta, trata-se de um time qualificado. "Nessa fase, todas as equipes estão qualificadas. Vamos respeitar o adversário e impor nosso ritmo e jogo", disse o jogador. "Quero muito fazer parte dessa história", declarou o atleta. A equipe, sob o comando do técnico Evaristo Piza, começa a semana acertando os últimos detalhes para o início da grande decisão do acesso diante do Azulão.
O time treinou no final de semana e se reapresentou na tarde desta segunda-feira (21). Nesta terça-feira (22), os trabalhos no Estádio 'Barão da Serra Negra' começarão às 9 horas. O Alvinegro Piracicabano irá encarar o Azulão nesta quarta-feira (23), às 17 horas, no 'Barão', e no dia 30, às 15 horas, no Estádio 'Anacleto Campanella', no ABC.
Todos os duelos desta fase da competição, a exemplo das quartas de final, terão transmissão do Canal Sportv e não haverá acesso aos torcedores por conta da pandemia de Covid-19. Como na fase anterior, se a soma dos dois placares terminar em igualdade para cada um dos lados, a decisão será na disputa de pênaltis.
Do outro lado
Do outro lado da chave, São Bento e São Bernardo se encontrarão, nesta terça-feira (22), às 15 horas, no 'Walter Ribeiro', e uma semana depois, no dia 29, às 15 horas, no Estádio Municipal 'Primeiro de Maio', em São Bernardo do Campo.
O São Bernardo FC se consolidou como um dos fortes candidatos ao acesso. Na primeira fase, foi o único time a fechar todas as rodadas na zona de classificação, liderando três delas, inclusive as duas finais. Com uma defesa sólida, sendo vazado apenas 12 vezes em 15 jogos - 10 deles sem sofrer gols -, o time foi dirigido por Marcelo Veiga durante todo o período.
O torcedor do São Bento sofreu mais durante a fase inicial. O time venceu apenas um dos primeiros oito jogos e estava na zona de rebaixamento nas rodadas 7 e 8. Foi então que Edson Vieira assumiu a equipe, que "mudou da água para o vinho". Com o novo técnico, venceu todos os sete jogos restantes da fase inicial. (Com FPF)
fonte: A Gazeta de Piracicaba
COMENTÁRIOS